Câmaras podem indicar MUNICÍPIO “LIXO ZERO”

img_1_138_24022014_537Pensando na proteção ambiental, o Poder Legislativo aponta a criação de Grupo de Trabalho Intersecretarial para atuar com medidas voltadas à coleta seletiva e ao destino final de lixos sólidos.

Sobre o Grupo

O Grupo de Trabalho Intersecretarial “Lixo Zero” será composto por até dois servidores de cada Secretaria e Entidade da Administração Pública do município. Suas indicações serão dadas pelas respectivas chefias, sendo coordenado pela chefia da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esportes. Para ajudar no trabalho, o GTI poderá ainda convidar representantes de outros órgãos e entidades, públicas ou privadas, para participar de suas reuniões.

Objetivos

Conforme o decreto municipal, o GTI tem os seguintes objetivos:

  • Planejar e coordenar estudos e atividades voltadas à adoção de soluções de caráter ambiental relacionadas a resíduos sólidos no Município, envolvendo a geração (minimização, reutilização, etc.), acondicionamento, armazenamento, coleta (regular e seletiva), transporte, tratamento, reciclagem e disposição final;
  • Selecionar órgãos, ações, projetos ou programas que serão objeto de análise;
  • Criar subgrupos temáticos destinados a detalhar a análise por órgão, grupo de órgãos ou programas específicos;
  • Convidar representantes de órgãos e entidades públicas para participar e apoiar a execução dos trabalhos, inclusive nos subgrupos;
  • Requisitar dos órgãos executores as informações necessárias à efetivação de seus objetivos.

Clique abaixo para baixar o projeto:

Clique aqui!

Fábio Tajra

Escolegis UVC

Twitter

Instagram

Newsletter